Apenas Um Capítulo Mais 1

Apenas Um Capítulo Mais

As críticas negativas às entregas de prêmios costumam estar cheias de explicação. O público poderá optar por expor um longa-metragem ou uma ficção por capítulos, depois de saber de sua existência por intermédio de uma solenidade desse tipo. E são as que se ergam como ganhadoras as que se falará no dia seguinte.

Tudo isto não é o impecável, no entanto é representativo de que forma se percebem ou sabem a maioria dos produtos. Para mim os prêmios anuais gosto. O reconhecimento foi pro Brooklyn 99, série que teve o seu espaço aqui e que é a comédia revelação do ano. Não quero colgarme medalhas, todavia o avisé no post que fiz sobre isto; os Globos de Ouro e apoiam o meu parecer. E a justiça se explica com a subida ao palco para tocar teu prêmio de Bryan Cranston por Breaking Bad, que bem como adquiriu na categoria melhor série de drama e Amy Poehler por Parks & Recreation.

  1. Muda de tarefas continuamente: tem de diversidade
  2. 3,23-3,10 g Ag
  3. cinco Evolução da comunidade
  4. 2016: “Ignite”
  5. 000 euros por 4 filmes
  6. 21ª. Ramón Areces (Marbella)
  7. 1965 – Michelle

Começando com as comédias, a vitória do Brooklyn noventa e nove foi um bálsamo para os que a temos defendido que, por coincidência, que costumam ser os que vemos poucas séries de humor. Esta acopla desde o início. É um absurdo, é claro; contudo é divertida, e é dificultoso não sorrir a cada duas por três, com as circunstâncias de Andy Samberg e companhia. Totalmente merecido. A bolha de Girls está desinflando a cada cerimônia… E isso é gratificante. O que não tem estado tão bem, é propriamente o prêmio pra Samberg como melhor ator de comédia. Deixar de Michael J. Fox, sem estatueta é inexplicável e injusto, em razão de está incrível em The Michael J. Fox Show, outro dos grandes acertos da nova estação.

A Amy Poehler, custou-lhe mais do que lhe dão prêmios durante estes anos. Que esteja tremenda em Parks & Recreation não foi suficiente. No final, você chegou o momento. E o fez superando as insuportáveis Lena Dunham (Girls, a mais brega da noite por seu vestido) e Zooey Deschanel (New Girl), que eram favoritos ao lado da ‘noiva seriéfila da América’, Julia Louis-Dreyfus (Veep). Com Edie Falco por Nurse Jackie nem sequer se contava. Que a série de Vince Gilligan barriera o resto em suas categorias, era uma indispensabilidade.

Por causa de se foi, no mínimo que se tenha em conta os bons momentos que nos fez ir a todos. Melhor série de drama e melhor ator principal pela mesma categoria para Bryan Cranston da contemplam estes Globos de Ouro.

Porque o resto nem ao menos de brincadeira. Nem sequer The Good Wife. A única que tinha alguma chance contra ela era House of Cards. Esta última, mesmo que não tenha alcançado o prêmio máximo, você podes arrogarse o ter as espetaculares atriz de 2013. Robin Wright foi comido a seus concorrentes de forma estupendo.

Julianna Margulies por The Good Wife, e ficou à porta de novo (era mais favorita), assim como Taylor Schilling (Orange is the New Black) e a sobrevaloradísima Kerry Washington (Scandal). Mesmo assim sendo, a vitória de Robin Wright, não me parece justa.

eu Sei que nunca vai dar, contudo Tatiana Maslany (Orphan Black), que há 8 protagonistas diferentes numa única série, ou mais, você merece tudo o que tiver no universo. É tão boa que está pra além desses saraos.